quinta-feira, setembro 23, 2021

Auxílio emergencial: liberada a parcela para saques

O auxílio emergencial é um dos principais programas sociais do Brasil, desde sua criação, ainda em 2020. O mesmo foi feito pelo Governo Federal como uma medida para ajudar a população meio a pandemia do Covid-19. Isso porque, diversas famílias brasileiras foram afetadas financeiramente, por conta disso. Recentemente, no último mês de abril, começaram a ser pagas as primeiras parcelas para todos os beneficiários aprovados no benefício.

Entretanto, havia uma limitação de que os mesmos não poderiam sacar, ainda, estas quantias. Na verdade, apenas utilizá-las para o pagamento de contas. Agora, as quantias já estão começando a ser liberadas para outras funções. Falaremos mais sobre abaixo.

auxílio emergencial 2021

Movimentações do auxílio emergencial começam a ser liberadas

Conforme mencionamos no parágrafo acima, ainda não estava sendo possível efetuar transferências ou qualquer outro tipo de movimentação semelhante do auxílio emergencial. Agora, quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril, já está conseguindo fazer estas movimentações.

A expectativa é de que até o fim da semana, no máximo, todos os demais também já tenham esta função liberada. O que você precisará fazer aqui é abrir seu aplicativo do Caixa TEM, e então, transferir o valor para outra conta sua. Ou então, poderá efetuar o saque diretamente em um caixa eletrônico. Desde que seja da Caixa Econômica Federal.

Leia mais: Bolsa do Povo: Aprovado benefício de R$500 para paulistas

Valor do benefício

Em 2020, o auxílio emergencial foi pago para seus beneficiários em diversas parcelas de R$ 600,00. Entretanto, para 2021, o orçamento era significativamente menor. O que com certeza afetou a quantia que agora está sendo distribuída. No caso, hoje contamos com três grupos financeiros diferentes.

O primeiro deles é destinado para quem mora sozinho, com pagamentos na casa de R$ 150,00. O segundo é para pessoas que possuem ao menos um dependente em seus núcleos familiares. Este sairá na faixa dos R$ 250,00. E por fim, o terceiro e último grupo é destinado para mulheres chefes de família. Estas receberão R$ 375,00.

Número de parcelas do auxílio emergencial

Para a edição do auxílio emergencial deste ano, o Governo Federal definiu, a princípio, que serão pagas apenas quatro parcelas do benefício. Estas começaram já no último mês de abril, indo deste período até maio, junho e julho.

Existem rumores de uma prorrogação deste prazo até o final do ano. Inclusive, o próprio ministro da economia, Paulo Guedes, já admitiu que isso é uma possibilidade real. Mas, devem esperar, primeiramente, a reforma que está sendo planejada para o Bolsa Família. Para só então retomarem o auxílio com mais força.

Veja mais: Auxílio Cesta Básica Ceará libera cadastro para benefício

Cadastro do auxílio emergencial

O cadastro do auxílio emergencial também foi algo bastante polêmico para 2021. Isso porque, o Governo Federal não aceitou novas inscrições para este ano. No caso, solicitou ao Dataprev, entidade oficial deles, que analisassem todos os perfis daqueles que se inscreveram no último ano de 2020.

Até porque, até então, haviam 67 milhões de beneficiários. Número que caiu drasticamente para 40 milhões. Justamente porque diversos casos de recebimentos fraudulentos foram excluídos do programa social. Tudo para garantir que quem realmente esteja precisando de um amparo financeiro seja acolhido de maneira justa, podendo contar com o governo.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui