quinta-feira, setembro 23, 2021

Auxílio emergencial: Segunda parcela é antecipada; veja o calendário

O auxílio emergencial se tornou um dos principais programas sociais do Brasil desde o último ano. Isso porque, por meio dele, diversas famílias brasileiras puderam ser amparadas financeiramente. Até porque, a pandemia do Covid-19 afetou diretamente a economia do mais, com muitas empresas precisando fechar e até mesmo pessoas sendo demitidas.

Atualmente, estamos entrando na onda de pagamentos da segunda parcela do benefício. A Caixa Econômica Federal divulgou nesta semana que estará antecipando o pagamento do mesmo. Isso claro, apenas para alguns casos específicos, que serão listados neste artigo. Além de explicarmos melhor como está funcionando o projeto.

Calendário da Revisão do INSS

Quem poderá participar da antecipação do auxílio emergencial

Caso você tenha dúvidas em saber quem poderá participar da antecipação do auxílio emergencial, é bastante simples. Esta informação foi divulgada pela própria Caixa Econômica Federal, que é a administradora financeira do programa social.

Segundo a mesma, só poderão antecipar o valor aqueles que se inscreveram por meio do aplicativo do Caixa TEM, do site da instituição bancária, e também, aqueles que se registraram por meio do Cadastro Único. Beneficiários do Bolsa Família não poderão antecipar o valor, e terão que aguardar o pagamento na data original que foi divulgada pelo banco federal.

Calendário da antecipação do auxílio emergencial

Abaixo, separamos até mesmo o calendário da antecipação do auxílio emergencial. Citaremos as datas antigas e agora as atuais. Siga:

  1. Primeiramente, nascidos em janeiro, fevereiro e março receberiam em 16, 19 e 23 de maio. Agora, passam a receber em 16, 18 e 19 de maio
  2. Posteriormente, quem nasceu em abril, maio e junho receberia em 26, 28 e 30 de maio. Com as novas datas, recebem em 20, 21 e 22 de maio
  3. Disso, os nascidos em julho, agosto e setembro, que receberiam em 2, 6 e 9 de junho, agora devem receber em 23, 25 e 26 de maio
  4. E por fim, os que nasceram em outubro, novembro e dezembro, que estavam previstos para receberem em 11, 13 e 16 de junho, receberão em 27, 28 e 30 de maio

Valor do auxílio emergencial e período de pagamento

Em 2020, o auxílio emergencial foi distribuído entre valores de R$ 600,00 e R$ 1.200,00. Entretanto, para este ano de 2021, o Governo Federal não conseguiu juntar fundos suficientes para manter os mesmos valores. Disso, criaram até três grupos diferentes para pagamento. O primeiro deles é destinado para quem mora sozinho, recebendo parcelas de R$ 150,00. Disso, o segundo é feito apenas para quem tem pelo menos um dependente em seu núcleo familiar. E por fim, o terceiro grupo é para mulheres consideradas chefes de família.

Estas receberão o valor mais alto do auxílio emergencial, com R$ 375,00 destinados a elas. Em relação ao período de pagamento, o Governo Federal estipulou que o benefício deveria ser pago apenas por quatro meses. E como começou em abril, continuaria sendo repassado por maio, junho e julho. Entretanto, apesar de ainda não estar confirmado, existe uma real possibilidade de o programa social ser prorrogado até o fim do ano, mais precisamente para o mês de dezembro.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui