segunda-feira, outubro 25, 2021

Auxílio Emergencial: sexta parcela já foi liberada; confira o calendário

O auxílio emergencial se tornou um dos principais programas sociais na história recente do Brasil. Até porque, o mesmo foi criado ainda em 2020, por conta da pandemia do Covid-19. No caso, o projeto veio para amparar financeiramente aqueles que foram afetados pelo vírus.

Seja porque tiveram suas jornadas de trabalho modificadas, porque foram demitidos, ou até mesmo porque foram forçados a encerrar suas atividades. Para 2021, o benefício originalmente deveria ter sido pago em apenas quatro parcelas. Entretanto, o Governo Federal optou por fazer uma prorrogação do prazo. Agora, será pago em sete vezes, sendo que já estamos começando o sexto lote.

Calendário do auxílio emergencial para quem recebe Bolsa Família

O Governo Federal já divulgou o calendário da sexta parcela do auxílio emergencial, para quem recebe o Bolsa Família. Siga abaixo:

Auxílio Emergencial
Auxílio Emergencial: sexta parcela já foi liberada; confira o calendário

  1. Primeiramente, quem tem o NIS encerrado em 1, 2 e 3, receberá em 17, 20 e 21 de setembro deste ano
  2. Disso, aqueles que possuem o NIS terminado em 4, 5 e 6, podem receber em 22, 23 e 24 de setembro de 2021
  3. Os casos de NIS encerrados em 7, 8 e 9 devem receber somente em 27, 28 e 29 de setembro deste ano
  4. E por fim, quem tem o NIS terminado em 0 receberá em 30 de setembro de 2021

Calendário do auxílio emergencial para beneficiários simples

Com relação ao calendário regular do auxílio emergencial, para a sexta parcela do auxílio emergencial, o mesmo deverá ser seguido pelo mês de aniversário de cada beneficiário. Confira abaixo as datas oficiais:

  1. Primeiramente, nascidos em janeiro, fevereiro e março devem receber em 21, 22 e 23 de setembro
  2. Posteriormente, quem nasceu em abril, maio e junho, terá o pagamento efetuado em 24, 25 e 26 de setembro
  3. Os nascidos em julho, agosto e setembro receberão em 28, 29 e 30 de setembro
  4. E por fim, quem nasceu em outubro, novembro e dezembro deverá receber somente em 01, 02 e 03 de outubro

Valores do auxílio emergencial

Com relação aos valores do auxílio emergencial, eles mudaram apenas uma vez, na transição de 2020 para 2021. No ano passado, as parcelas eram pagas na casa dos R$ 600,00. Entretanto, para este ano, repetir o valor se tornaria algo improvável. Principalmente por conta dos rombos que foram gerados nos cofres públicos. E agora, foi criado três grupos diferentes de pagamento, para os beneficiários aprovados.

O primeiro deles está na casa dos R$ 150,00. Este é destinado exclusivamente para aqueles que moram sozinho e que se inscreveram para receber o auxílio emergencial. Já o segundo grupo é o de valor intermediário, no total de R$ 250,00. Este é feito para pessoas que possam ao menos um dependente em seu núcleo familiar. E por fim, temos a quantia de R$ 375,00. Este é para mulheres que são consideradas chefes de família. Lembrando que até o momento, o Governo Federal deverá pagar o benefício somente até outubro. E disso, há a possibilidade do mesmo ser extinto para que o auxílio Brasil substitua o modelo atual do Bolsa Família.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui