terça-feira, abril 6, 2021

Cadastro Único 2021: Como cadastrar sua família no CADÚNICO

O Cadastro Único 2021 é uma plataforma digital do Governo Federal, destinada exclusivamente para programas sociais. O mesmo serve para coletar diversos dados e informações sobre as famílias de baixa renda do Brasil. Isso para poder mostrar ao governo quem pode ou não participar de programas de assistência social, e também, redistribuição de renda.

cadastro único 2021

Pensando assim, separamos neste artigo algumas informações importantes sobre este sistema. Desde os requisitos, documentos necessários, e claro, como você pode se cadastrar, e registrar toda a sua família, para facilitar seu acesso de informações ao governo. Siga abaixo os registros.

Quem pode se inscrever no Cadastro Único

Para se inscrever no Cadastro Único 2021, não é qualquer cidadão brasileiro que pode participar. Na verdade, existem alguns pré-requisitos a serem cumpridos na hora de efetuar o seu cadastro na plataforma. Abaixo, separamos estes para você, apenas para facilitar o seu acesso a informação. Lembrando que o sistema também atende pelo nome de CadÚnico, e é utilizado para a obtenção de dados das pessoas, para a manutenção de projetos sociais do Governo Federal. Siga:

  1. Primeiramente, para se inscrever no Cadastro Único 2021, é necessário ter uma renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, ou seja, R$ 522,50. Lembrando que estes valores podem aumentar, conforme o ano que passe. Ou até que novas reformas sejam apresentadas
  2. Posteriormente, é preciso que a renda mensal de seu grupo familiar não ultrapasse o valor de até três salários mínimos. Ou seja, R$ 3.135,00. Portanto, baseado na informação anterior, se tiverem até cinco pessoas recebendo a metade de um salário, tudo bem.
  3. E por fim, só é permitido que hajam mais do que três salários mínimos como renda se o grupo familiar tiver seu cadastro vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do Governo Federal. Este é um caso muito menos comum de se acontecer

Leia também: eSocial 2021: Veja como funciona a contribuição para afastamentos

Benefícios de ter o seu Cadastro Único 2021

Por se tratar de uma plataforma de obtenção de informação do Governo Federal, o Cadastro Único 2021 possibilita à população o recebimento de muitos benefícios. Até porque, por meio deste sistema, o governo conseguirá identificar quem está elegível para receber qualquer um de seus benefícios.

O Bolsa Família, por exemplo, é destinado a pessoas em extrema pobreza. Outros programas sociais, no entanto, são apenas para aqueles que possuem baixa renda, mas que conseguem sobreviver com seus salários. Tudo é passível de análise do órgão federal, antes de qualquer liberação. Portanto, tenha ciência deste procedimento geral.

Leia também: Aposentadoria por idade 2021: Como encaminhar e quais as regras?

Documentos necessários para o Cadastro Único

Além das exigências que listamos acima, para o Cadastro Único 2021, também há uma série de documentos necessários a serem apresentados, para o Governo Federal. São estes:

  1. Primeiramente, o CPF ou o título do eleitor, apenas do responsável pela unidade familiar (RF)
  2. Posteriormente, para os demais membros, é preciso apresentar apenas um dos documentos entre certidão de nascimento, certidão de casamento, CPF, carteira de identidade, carteira de trabalho ou título de eleitor
  3. Grupos indígenas e quilombolas precisam do CPF do RF, título de eleitor e o registro administrativo de nascimento indígena
  4. O RF da família quilombola pode mostrar seu CPF, título de eleitor ou qualquer outro documento de identificação, como certidão nascimento ou casamento, RG, ou carteira de trabalho

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui