domingo, janeiro 23, 2022

Calendário das Eleições 2022 liberado pelo TSE; confira as regras

As eleições 2022 serão de longe um dos assuntos mais falados de nosso país, nesse ano. Até porque, novamente teremos a corrida presidencial, que decidirá o futuro do Brasil nos próximos quatro anos. Disso, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nessa semana o calendário oficial das eleições.

Agora, já podemos saber quando o evento acontecerá, até para podermos nos preparar melhor. Principalmente para quem quer apenas votar, e também para quem pretende ou foi escalado para trabalhar nos dias, como mesário. Lembrando que o evento costuma acontecer sempre de quatro em quatro anos, conforme está previsto na legislação brasileira.

eleições 2022
Calendário das Eleições 2022 liberado pelo TSE; confira as regras

Calendário das eleições 2022

Confira abaixo o calendário oficial das eleições 2022, que foi divulgado pelo próprio TSE. Lembrando que o mesmo é válido para todos os estados e municípios brasileiro, sendo assim de âmbito federal. Veja:

  1. A oficialização das federações partidárias devem ser feitas até 2 de abril, seis meses antes do pleito ocorrer
  2. Disso, a convenção das legendas será de 20 de julho a 5 de agosto. E o mesmo pode ser presencial, virtual, ou híbrido
  3. O registro de candidaturas para quem pretende concorrer a algum cargo nessas eleições deverão oficializar o mesmo até 15 de agosto
  4. Disso a propaganda em rádio e TV no primeiro turno está prevista para 26 de agosto até o dia 29 de setembro
  5. O primeiro turno das eleições ocorrerão no dia 2 de outubro
  6. E por fim, o segundo turno das eleições, se for necessário o mesmo, ocorrerão apenas no dia 30 de outubro. Já a posse oficial do novo presidente acontecerá apenas na virada do ano para 2023.

Eleições 2022 já conta com grande disputa prevista

Vale a pena lembrar também que as eleições 2022 também já possuem dois grandes adversários definidos. E na verdade, que esses serão provavelmente os principais favoritos ao posto de presidente da república. O primeiro deles é o líder da direita e atual comandante supremo do país, Jair Bolsonaro. O segundo é Luis Inácio Lula da Silva, que foi ex-presidente por oito anos, de esquerda, e que agora deverá retornar para confrontar o governo atual. E a expectativa é de que tenhamos uma das eleições mais apertadas, em termos de vantagem de vitória, nos últimos eventos mais recentes. Até porque, grande parte da população está dividida em ambos os lados. Principalmente pelo que cada um oferece, além da figura de cada indivíduo, que tem muito peso.

É muito importante lembrar também que ao todo nós teremos no Brasil, nesse ano, cerca de 1655 cargos em disputa entre as funções, nas eleições 2022. Disso, saiba que a abertura para as janelas de troca partidárias ocorre de 3 março a 1º de abril de 2022. Lula mais uma vez deverá concorrer por meio do Partido dos Trabalhadores (PT), enquanto que Bolsonaro está sendo assistido pelo Partido Liberal. Algo bem curioso é que o atual presidente da república ficou cerca de dois anos sem partido. E agora, decidiu se associar a um, tendo feito tal movimentação cerca de um mês e meio atrás, decerto.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui