quarta-feira, agosto 4, 2021

Conta de luz vai subir mais de 20% com reajustes por causa de secas

Por conta da pandemia do Covid-19, vivemos um dos momentos mais conturbados em todo o país. Disso, muitas pessoas têm sofrido com a crise econômica que o país vive, até pela queda de produção das empresas. O que poucos sabem, é que na verdade enfrentamos também a pior crise hídrica no país nos últimos 91 anos.

E disso, as usinas termelétricas estão sendo sobrecarregadas, até para garantir o fornecimento de energia para todos. E com isso, vem algo muito ruim pela frente. A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) anunciou nesta última semana que vai aumentar os valores das bandeiras tarifárias. E com isso, a população sofrerá um acréscimo significativo em sua conta de luz.

conta de luz

Acréscimo na conta de luz

Por conta da crise hídrica que estamos tendo no país, a ANEEL anunciou que o valor da conta de luz deve subir mais de 20%. Tudo isso para cobrir o enorme prejuízo de R$ 1.5 bilhão nos cofres públicos, que foram gerados por conta desta situação. O diretor-geral da entidade, André Pepitone, disse que na verdade os valores não foram definidos ainda, mas este número é o mínimo que possivelmente será assumido.

Portanto, ainda podemos ter uma taxação ainda mais alta, já para o ano que vem. Lembrando que tal bandeira tarifária é um adicional que é cobrado nas contas, para cobrir o custo da geração de energia pelas termelétricas. E isso só ocorre quando o nível dos reservatórios das hidrelétricas está muito baixo.

Veja também: PIS de trabalhador falecido: Saiba como sacar

Como funciona a bandeira na conta de luz

Atualmente, a bandeira vermelha de segundo patamar está na casa dos R$ 6,24. E agora, o valor deve aumentar ainda mais na conta de luz. Até porque, o número de térmicas e usinas que serão adicionados agora devem funcionar até dezembro, segundo o diretor-geral da entidade.

Este na verdade será o primeiro reajuste que será feito nos valores das bandeiras, desde o ano de 2019. Vale a pena lembrar que as quantias referentes ao ano de 2020 foram mantidas. E que a bandeira verde foi adicionada de junho a novembro do mesmo período.

Continue lendo: Auxílio cesta básica reabrirá inscrição no Ceará; como se inscrever

Novos valores na conta de luz

Atualmente, o valor cobrado na conta de luz é de R$ 1,34 a cada cem quilowatts-hora (kWh). Desde que claro, estes consumidos na bandeira amarela. Agora para a vermelha, saiba que existem até dois graus. O primeiro deles está na casa dos R$ 4,16, enquanto que o segundo vale R$ 6,24.

E com o anúncio da Aneel, foi estipulada que a bandeira vermelha 2 subisse para a casa dos R$ 7,57. Com isso, resultaria em um acréscimo superior a 20%. O mesmo diretor ainda negou que a entidade criará uma nova cor de bandeira, com valores maiores a estes, ultrapassando o consumo da bandeira vermelha 2.

Leia mais: Prorrogação do Auxílio Emergencial: Qual deve ser o valor

Por quanto tempo será este aumento?

Até o momento, o aumento na conta de luz é considerado permanente. Entretanto, será válido apenas após o começo do ano que vem.

Não sabemos exatamente em que mês o acréscimo começará a valer. Mas, a expectativa é de que isso aconteça a partir do mês de janeiro. É necessário aguardar mais comunicados da entidade.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui