quinta-feira, setembro 23, 2021

Fim do auxílio emergencial: o que acontecerá com beneficiários?

O auxílio emergencial é um dos principais programas sociais do Brasil, desde sua criação, ainda em 2020. O mesmo foi feito por conta da pandemia do Covid-19, e seu principal objetivo é amparar financeiramente todas as famílias que foram afetados por conta da situação atual do país.

Para este ano de 2021, houve muita discussão no Senado e também na Câmara dos Deputados, para a aprovação do benefício. E agora, o ministro da economia, Paulo Guedes, foi bem claro ao que deve acontecer com o fim do auxílio emergencial. Neste artigo, estaremos falando um pouco mais a respeito deste assunto.

Fim do auxílio emergencial: e agora?

O fim do auxílio emergencial está previsto para este mês de julho. Segundo Paulo Guedes, o que o governo deverá fazer na sequência é criar outro programa social. Este terá o nome de Renda Básica, e funcionará de uma maneira semelhante. Entretanto, ainda não sabemos quais serão os valores ou até mesmo o período de pagamentos do mesmo.

Fora que ainda como se inscrever e quem pode participar não é algo que foi divulgado pelo Governo Federal. Portanto, precisamos aguardar a proposta oficial do projeto, para obtermos mais informações a respeito. Sem falar em quando deverá ser aprovado.

Fim do auxílio emergencial: será possível uma prorrogação?

Nas últimas semanas, o Ministério da Cidadania e o próprio Ministério da Economia haviam se pronunciado a favor de prorrogarem o benefício, ao invés de proclamarem o fim do auxílio emergencial. Na verdade, até mesmo confirmaram que já haviam separado reservas suficientes para tal.

Mas, que ainda não haviam decidido a respeito, e menos ainda se haveria um dia específico para tal. A expectativa é de que caso isso aconteça, deva ser apenas para a reta final do ano. Até porque, ainda querem fazer a reforma do Bolsa Família.

Fim do auxílio emergencial e o novo Bolsa Família

A princípio, o fim do auxílio emergencial está previsto para o mês de julho. Que é exatamente quando a última parcela do benefício deverá ser paga para a população. Disso, vale a pena destacar que muito provavelmente veremos uma reforma no Bolsa Família. Segundo o presidente da república, Jair Bolsonaro, o valor deste programa social deve aumentar significativamente.

Hoje, o mesmo pago R$ 190,00 para seus beneficiários. Entretanto, após a reforma, passaria a pagar R$ 250,00 para cada um registrado. Sem falar que outros programas e até mesmo incentivos deverão também ser criados.

Valores do benefício

Antes de ter o fim do auxílio emergencial 2021, saiba que o benefício segue sendo muito importante durante esta pandemia do Covid-19. Isso porque, agora, está pagando até três valores diferentes para seus beneficiários. O primeiro deles sai na casa dos R$ 150,00, para todos aqueles que moram sozinhos.

Já o segundo, está no valor de R$ 250,00, destinado apenas para quem tem pelo menos um dependente em seu núcleo familiar. E por fim, a última quantia é de R$ 375,00, dada apenas para mulheres que são consideradas chefes de família. Vale a pena destacar que em 2020, o valor pago para a população foi de R$ 600,00.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui