terça-feira, maio 17, 2022

IPVA 2022 deve subir e pesar no bolso dos brasileiros

Uma das maiores dores de cabeça dos brasileiros, anualmente, é de longe o pagamento de impostos no Brasil. E disso, muitos já devem começar a se preocupar, com relação a 2022. Pelo menos, claro, aqueles que possuam algum carro ou automóvel particular, registrados em seus nomes.

Até porque, o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA 2022), já está a solta. E mais do que isso, ele deverá vir ainda mais caro e doloroso aos bolsos dos contribuintes, como nunca vimos antes. Neste artigo, estaremos falando um pouco mais a respeito do acréscimo dessa taxa, e o que podemos esperar em um quadro geral para o próximo ano.

ipva 2022
IPVA 2022 deve subir e pesar no bolso dos brasileiros

Aumento do IPVA 2022 será notável

Segundo os comunicados do Governo Federal e dos levantamentos feitos por especialistas junto às principais entidades de trânsito do país, o acréscimo do imposto do IPVA 2022 deverá ser significativo. Até porque, a alta os preços dos veículos, o que incluem até mesmo modelos populares, terão um grande ponto participativo nisso.

Sem falar também que muitos contribuintes terão que utilizar seus 13º salários para que possam efetuar a quitação do tributo. Os impactos da pandemia do Covid-19 também estão listados entre os possíveis motivos de novos acréscimos.

Alíquotas do IPVA 2022

Apesar disso, existem algumas informações referentes ao IPVA 2022 que ainda merecem ser destacadas. Como por exemplo, para veículos novos e usados, a alíquota do imposto será a mesma. Até porque, nesses casos, o valor considerado é o do utilizado bela Tabela Fipe. Já para carros de zero quilômetro, existe uma base de cálculo completamente diferente, considerando o valor da nota fiscal de compra.

Sem falar que as alíquotas também mudam conforme cada estado. Em São Paulo, a taxa para automóveis com gasolina e combustíveis flexíveis fica em 4%. Já apenas para os que usam gás e eletricidade, o valor fica em 3%. E para carros com mais de 20 anos de fabricação, eles são totalmente isentos do pagamento de IPVA.

Por isso, para essas situações, aconselhamos sempre que entre em contato com o DETRAN de sua região. Pois o mesmo já está começando a disponibilizar em seus sites oficiais cálculos com base em todas as informações dos contribuintes. E disso, os mesmos não apenas poderão efetuar suas consultas, mas como também já efetuar a impressão do boleto bancário. Até porque, em muitos estados o mesmo não deverá mais ser entregue em sua residência, conforme era feito de costume.

Métodos de pagamento

Vale a pena destacar que o IPVA 2022 costuma ser cobrado por um boleto bancário, que até 2021, era enviado até a residência dos participantes. Agora, é possível efetuar a retirada do mesmo no site oficial do DETRAN de sua região. E disso, você tem duas alternativas diferentes.

A primeira delas é efetuar a quitação antecipada, em via única, podendo gozar de um bom desconto de até 10% do valor total. Claro que é necessário se consultar a respeito dos números, com antecedência. Ou se não conseguir quitar tudo à vista, ainda pode efetuar o parcelamento do valor total da conta, em até cinco vezes, dependendo da região.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui