Início INSS Novo pente fino do INSS poderá ser suspenso com greve dos médicos

Novo pente fino do INSS poderá ser suspenso com greve dos médicos

0
98
pente fino
Novo pente fino do INSS poderá ser suspenso com greve dos médicos

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é uma das principais entidades do Governo Federal. A mesma é responsável por administrar e efetuar o pagamento de diversos programas sociais, para os brasileiros. Desde que, claro, os beneficiários em questão sejam contribuintes da previdência social. Independentemente como; seja por descontos em folhas salariais ou até mesmo contribuições voluntariadas.

Lembrando que recentemente a empresa estava pronta para realizar o temido pente fino. Isso para analisar casos fraudulentos, e cancelar os mesmos. Entretanto, tal movimentação corre risco de ser suspensa. Até porque, os médicos da companhia estão todos entrando em greve.

Pente fino: por que a greve está acontecendo?

A Associação Nacional de Médicos Peritos (ANMP), que realiza todas as perícias médicas do INSS, pode decidir entrar em greve nacional nesta quarta-feira (12 de agosto). Isso na verdade será decidido em uma assembleia virtual. Tudo porque os representantes são contra a ampliação dos atendimentos para a realização do pente fino.

pente fino
Novo pente fino do INSS poderá ser suspenso com greve dos médicos

Até porque, segundo a associação, faltam condições sanitárias básicas que podem colocar em risco tanto os servidores, quanto os segurados da empresa do Governo Federal. Principalmente hoje em dia, por conta da pandemia do Covid-19. A exigência é de melhores condições e adequações meio a situação que vivemos hoje.

Pente fino estava previsto para agosto

Ainda não sabemos se de fato os médicos entrarão em greve ou não. Mas, o que sabemos é que o próximo pente fino estava previsto para acontecer neste mês de agosto. Disso, quem fosse convocado teria que efetuar a perícia médica, para comprovar suas informações.

Segundo informação oficial divulgada pelo Instituto Nacional do Seguro Social, cerca de 170 mil segurados que recebiam o auxílio doença participariam do procedimento, neste mês. Vale a pena lembrar que a Associação Nacional de Médicos Peritos é, inclusive, contra estas perícias mensais promovidas pela empresa.

Greve para pente fino não é inédita

Esta não é nem a primeira vez que a Associação se impõe contra a realização do pente fino do INSS, em um tempo recente. Até porque, isso aconteceu em setembro de 2020, quando foi determinado o retorno presencial nas agências da entidade. E naquela época, os casos e a pandemia do Covid-19 eram muito mais preocupantes do que são hoje.

A Secretaria de Previdência, por sua vez, garantiu que está cumprindo com todas as regras e exigências sanitárias para evitar o contágio do vírus. Ou seja, respeitando o distanciamento social, promovendo limpezas e até mesmo disponibilizando álcool em gel.

Qual mais projetos poderiam passar por análise?

Além da aposentadoria por doença, existem outros programas sociais do Governo Federal, pagos pelo INSS, que também são sujeitos a passar por perícia médica. O pente fino também poderia ser feito em quem recebe a aposentadoria por invalidez. Até porque, casos de deficiência ou até mesmo doenças graves que incapacitaram as pessoas também precisam ser avaliados pela entidade.

Até para provar que as mesmas não estão mentindo a respeito, evitando diversos recebimentos fraudulentos. O auxílio emergencial mesmo é um caso para mostrar como as pessoas buscam oportunidade de enganar o governo, tendo mais de 24 milhões de brasileiros recebendo o benefício de modo ilegal.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui