domingo, dezembro 3, 2023

PIS/PASEP 2022: Quanto tempo de carteira preciso para receber?

O PIS/PASEP 2022 é um dos principais programas sociais que são pagos no Brasil, anualmente. O mesmo é voltado exclusivamente para a classe trabalhadora do país. Desde que, claro, essa tenha sido registrado em carteira, sob regime das Consolidações das Leis do Trabalho (CLT).

Mas, também não é permitido que tenha sido demitido por justa causa, para poder participar. E disso, muitas pessoas também têm dúvidas com relação a quanto tempo precisam ter trabalho em determinado período, para que possam se tornar elegíveis ao benefício. Mas, fique tranquilo, pois abaixo, nesse artigo, estaremos retirando todas essas dúvidas, e muito mais.

pis/pasep 2022
PIS/PASEP 2022: Quanto tempo de carteira preciso para receber?

Valores e meses trabalhados no PIS/PASEP 2022

Vale a pena informar que o Governo Federal já tem trabalhado em um valor pré-estipulado para o PIS/PASEP 2022. Esse deverá ser o de R$ 1.200,00, que por sinal, está na mesma casa da remuneração do salário mínimo 2022, que está sendo planejado para a virada do ano. Isso claro, seguindo a inflação do país. Que é o comum a acontecer, sempre.

E então, os valores com que cada um poderá contar são muito simples. Basta pegar esse valor total, e dividir pelo número de meses no ano. E então, multiplicar isso pelo número de meses no qual você trabalhou no ano. Portanto, se trabalhou apenas três meses, terá direito a apenas R$ 300,00, por exemplo.

Diferenças entre o PIS/PASEP 2022

O PIS/PASEP 2022 também encontra algumas semelhanças que poucas pessoas conhecem. Como por exemplo, o PIS é destinado exclusivamente para funcionários e ex-funcionários de empresas particulares. Ou seja, aquelas que não possuem nenhuma ligação exclusiva com o Governo Federal.

E disso, tal benefício pode ser sacado diretamente pela própria Caixa Econômica Federal. Enquanto o PASEP, por sua vez, é voltado apenas para servidores públicos e federais. Ou seja, aqueles que são concursados e que trabalham em alguma camada do governo. Disso, o banco responsável pelo pagamento é o Banco do Brasil.

PIS/PASEP 2022 foi suspenso nesse ano

Outra informação muito importante a ser listado é que o PIS/PASEP 2022 foi suspenso em junho desse ano. O mesmo deveria ter tido a parcela referente ao ano base de 2019 paga nesse período.

Entretanto, para poder sustentar o retorno do Benefício Emergencial (BEm) e o custeio de outros projetos, o Governo Federal jogou a parcela apenas para o próximo ano. E disso, deveremos ter uma agradável surpresa para a classe trabalhadora, em 2022.

Benefício deverá ter pagamento duplo em 2022

Graças a decisão tomada pelo Governo Federal, o PIS/PASEP 2022 deverá ser pago em até duas parcelas diferentes. E melhor do que isso, ambas virão juntas ainda no começo do ano. A previsão é de que isso aconteça entre os meses de janeiro e fevereiro.

A primeira parcela será referente ao ano base de 2019, que era a prevista para o pagamento desse ano de 2021. Enquanto que a segunda segue a previsão normalmente, para o ano base de 2020, que já seria pago nesse próximo ano. Tudo para que o governo consiga enxugar logo a lista de pagamentos e despesas que estão previstas para esse período.

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui