domingo, janeiro 23, 2022

Salário Mínimo de R$ 1.212 é confirmado por Bolsonaro

O salário mínimo brasileiro vinha sendo uma das maiores preocupações da população brasileira, para 2022. Até porque, ninguém sabia exatamente o quanto seria pago pelo Governo Federal, menos ainda a taxa a ser seguida. E também, se a remuneração base do Brasil seguiria ou não a inflação prevista.

Todas essas perguntas e questionamentos foram respondidas pelo presidente da república, Jair Bolsonaro. Esse que veio a público nessa última quinta-feira (30 de dezembro), em suas redes sociais, para comentar o assunto. E abaixo, separamos todas as informações que foram repassadas pelo comandante supremo, para finalmente sanar todas as dúvidas do mesmo.

salário mínimo
Salário Mínimo de R$ 1.212 é confirmado por Bolsonaro

Salário mínimo é definido por Bolsonaro

Conforme mencionamos acima, o presidente Jair Bolsonaro foi a público em suas redes sociais na reta final da última semana de 2021. Isso para falar mais a respeito de alguns assuntos importantes, benefícios, e principalmente o salário mínimo do país em 2022.

De acordo com o mesmo, a remuneração base do país ficará na casa dos R$ 1.212,00, que é um acréscimo significativo com relação aos R$ 1.100,00 que foram pagos durante o ano atual. Bolsonaro ainda afirmou que deverá ser uma medida provisória, nos próximos dias, dentro do Diário Oficial da União (DOU), para confirmar tal valor.

Salário mínimo ficará abaixo da inflação

E apesar de a quantia parecer um aumento significativo, até pelo acréscimo dos R$ 112,00, saiba que, na verdade, ficaremos abaixo da inflação. Até porque, tal valor representa 10,18% com relação ao que foi pago em 2021. Entretanto, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), a inflação do país ficou acima dos 10,20%. E disso, será o terceiro ano consecutivo que o salário mínimo ficará abaixo da mesma. E assim, nenhum trabalhador brasileiro terá um ganho real em cima do mesmo. E seguirá sofrendo ainda mais para pagar os acréscimos nos produtos.

Na verdade, a expectativa para os próximos dois anos, ou seja, de 2023 e 2024, é de que o salário mínimo siga abaixo da inflação. A pandemia do Covid-19 também é citada como uma das grandes responsáveis pela movimentação negativa. E principalmente pela crise financeira que foi gerada no Brasil.

Até porque, por conta do vírus, muitas pessoas acabaram perdendo seus empregos, enquanto que diversos comércios foram forçados a fecharem seus estabelecimentos. Algo que certamente fez com que os cofres público e impostos a serem pagos diminuíssem drasticamente, tendo um grande impacto na economia brasileira.

Benefícios também serão impactados

Vale a pena dizer que o salário mínimo não afeta apenas a remuneração da classe trabalhadora do país. Mas como também, tem impacto muito forte em diversos benefícios. A maioria esmagadora aqueles que são pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Até porque, esses seguem também a inflação e adotam o valor pago em tal remuneração, como o valor mínimo a ser pago. Além desses, existem também, por exemplo, o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), e o PIS/PASEP, que são ligados diretamente ao Governo Federal por meio da Caixa Econômica Federal. Portanto, tenha ciência disso na hora que for solicitar seus benefícios para o governo.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui