segunda-feira, outubro 25, 2021

Restituição IR: Receita paga último lote previsto para 2021

O imposto de renda é uma movimentação obrigatória que precisa ser realizada no Brasil, anualmente. Por meio dela, a população brasileira presta contas para a Receita Federal e para o Governo Federal. Isso em cima de todos os rendimentos que teve no último ano base, considerado dentro do calendário.

E para os que efetuam a declaração do imposto de renda, normalmente o Leão efetua uma devolução de parte da ação. Essa é conhecida como restituição IR, e para este ano de 2021, a entidade declarou que os retornos seriam pagos em cinco lotes diferentes. E agora, nesta quinta-feira (30 de setembro), está sendo paga a última parcela.

Restituição IRPF
Restituição IR: Receita paga último lote previsto para 2021

Informações sobre a restituição IR

A Receita Federal informou que está pagando nesta semana o quinto e último lote da restituição IR. Disso, estão sendo depositados aos contribuintes uma quantia de R$ 562 milhões. Sem falar que todo este valor está sendo distribuído para 358.162 pessoas. Lembrando que estes são números exclusivos do último pagamento, apenas, e não do total. Outro ponto a ser lembrado é que os pagamentos são para aqueles que entregaram a declaração do imposto no prazo. Ou seja, até o dia 31 de maio. Mas, a Receita também pagará quantias aos que entregaram a declaração com atraso, até 15 de setembro, e que não foram para a malha fina.

Desses que listamos acima, a restituição IR costuma sempre priorizar um grupo de pessoas na sociedade. Como por exemplo, dos 358.162 contribuintes, 4.955 destes são considerados idosos acimas de 80 anos. Já 47.465 são contribuintes entre 60 e 79 anos. 19.211 possuem maior fonte de renda vinda do magistério.

Enquanto que, por fim, 4.927 contribuintes possuem algum tipo de deficiência, seja esta física, mental, ou até mesmo uma moléstia grave. Lembrando que estas informações foram repassadas, de maneira oficial, pela própria Receita Federal do Brasil.

Restituição IR para casos de malha fina

É interessante lembrar também que a restituição IR ainda será feita para quem caiu na malha fina, neste ano. Na verdade, segundo a entidade do Governo Federal, o Fisco começará a liberar tais restituições a partir do próximo mês. E estas serão válidas também para quem teve problemas de malha fina em anos anteriores.

E, que tenham retificado a declaração, corrigindo todas as inconsistências, ou até mesmo erros de informação. Basta aguardar um novo comunicado do Leão, a respeito de datas oficiais e até mesmo valores totais que devem ser repassados.

Declaração foi prorrogada neste ano

Originalmente, a declaração do imposto de renda era para ter sido feita do primeiro dia do mês de março até o último de abril. Isso na verdade é o calendário padrão estabelecido pela Receita Federal, anualmente. Entretanto, na prática, isso não foi o que aconteceu.

Até porque, a pandemia do Covid-19 estava dificultando, e muito, o acesso de informações das pessoas com suas empresas. E assim, o Governo Federal optou por prorrogar o prazo de declaração por mais um mês. Deste modo, a entrega do documento poderia ser feita até o último dia do mês de maio. Algo que impactou diretamente no atraso do pagamento da restituição IR.

Pedro Henrique
Pedro Henrique Rhormes é formado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Nove de Julho, e Letras – Tradução e Interpretação, pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Trabalhou como repórter no FOX Sports. Atualmente é editor do E.C. produzindo conteúdo sobre economia e direitos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui